Português

english

STEPHAN DOITSCHINOFF

trabalhos

exposição

videos

edições

elucidário

sobre

press

Português

english

CRAS DO MICÉLIO

[com participação de Iggor Cavalera, Laima Leyton e Elisa Gargiulo]

 

A marcha Cras do Micélio foi realizada em 2013  em São Paulo, no bairro
de Pinheiros.

Para a obra, o público foi convidado por chamada aberta a comparecercom
o  traje especificado, além de receber broches e mascaras com a finalidade de compor uma unica identidade entre os participantes da ação.

 

Além dos mascarados, a marcha contava com estandartes, bonecosgigantes
e  diversas alegorias representativas de elementos ligados ao xamanismo, e compostos psicoativos.

 

A obra parte de uma estrutura inspiradas nas paradas militares e procissões religiosas, porém com mensagem e conteudo antagônico aos ideais das mesmas. Stephan trabalha como um hacker que se apropria de uma estrutura convencional para subverte-la e promover o questionamento.

 

Plantas, fungos, extratos vegetais e animais, com propriedades psicoativas  estão profundamente arraigados às praticas espirituais, medicinais e ritos de passagem de povos nativos que foram dizimados, tiveram sua cultura marginalizada, e suas terras desapropriadas, dando lugar à lei, cultura e tradiçao do conquistador, cuja relação com a natureza é de controle e não pertencimento.

 

Mais de quarto séculos depois do inicio da colonização das Américas, esse processo de marginalização se perpetua.  Em 1961 a ONU sancionou a Convenção Única sobre Entorpecentes ( emendada em 1972 ), que insere no mesmo contexto plantas ancestrais usadas nas práticas citadas acima, com substâncias como o crack, a cocaína e a heroína, piorando drasticamente a questão da marginalização da cultura dos povos nativos e privando inclusive a sociedade científica de realizar pesquisas e experimentos com as substâncias citadas acima.

< voltar

FOR ART INQUIRIES, PLEASE CONTACT

SIGN UP! SUBSCRIBE TO GET THE LATEST FROM STEPHAN DOITSCHINOFF.

COPYRIGHT © 2016 STEPHAN DOITSCHINOFF. ALL RIGHTS RESERVED. SITE DEVELOPMENT ST. BALEIA

Enviando formulário…

O servidor encontrou um erro.

Formulário recebido!